GTA e os Gêneros

Olá, jovem leitor, tudo bem com você? Sim, eu vou lhes chamar de jovens, pois hoje passei pela escolinha de futebol que frequentava quando era criança e percebi duas coisas: a primeira é, que se aquilo fosse pago, teria sido o dinheiro mais jogado no lixo da minha vida, pois eu sempre fui um péssimo jogador e eu já estava começando a odiar futebol, embora estivesse treinando ali por conta própria.

A segunda coisa que eu percebi é que hoje eu tenho a idade ou até sou mais velho que os caras que eu via por lá e já os considerava velhos, os “tios” do local. Então, eu percebi que, daqui a alguns anos, eu talvez esteja vendo meus filhos indo jogarem bola naquele mesmo campinho que joguei e, quem sabe, os meus netos daqui a algumas décadas.

hqdefault

Eis como estou me sentindo nesse exato momento.

Sim, isso foi o suficiente pra eu já estar aqui tomando meu chá da tarde e pensando se a aposentadoria desse mês vai dar pra pagar todas as contas. A verdade é que apesar de brincar um pouco, hoje eu notei que não vou mais ser pra sempre aquele moleque que passava o dia todo na locadora: o tempo tá passando, as responsabilidades chegando e o meu ano de nascimento está cada vez mais longe quando vou me inscrever em algum jogo ou site novo.

Mas alegria, alegria! Este texto, meus jovens amigos, não é uma ode a como fiquei velho jogando videogames – esse texto provavelmente vai existir um dia, mas deixa a data do meu aniversário se aproximar mais… -, mas para falar sobre um tema que se já é complicado na boa e velha vida real, imagina na virtual? Venho falar das questões de gênero, um tema em que eu admito ser um bocado leigo apesar de já ter lido bastante sobre ele.

Mas calma, jovem, eu não quero te dar uma aula sobre isso. Só vou falar sobre como isso é abordado no mundo virtual e como eu gosto mesmo é de missão difícil, aquela que dá mais XP, eu resolvi falar sobre como o tema é abordado nos jogos da Rockstar, mais especificamente na polêmica série Grand Theft Auto.

grand_theft_auto_legends_2012_by_patrickbrown-d53et9c

A série GTA, como é mais conhecida pelos fãs, é famosa por não perdoar ninguém e fazer piada com tudo, desde religião a questões raciais. Entretanto,os jogos, entre uma piada e outra, também dão muita força a todos os gêneros na sua luta por uma visão mais igualitária da sociedade. Não há forma melhor de pregar a igualdade do que semeá-la na mente dos jovens e, apesar dela ser uma franquia não recomendada para crianças, precisamos admitir que existe uma maior faixa de jogadores entre os pré-adolescentes e adolescentes.

Em GTA 3, o primeiro jogo da série que possuía história, a antagonista do jogo era Catalina, uma mulher que poderia ser tão forte quanto qualquer homem do jogo. Com essa personagem, a série mostrava que nem todas as mulheres ali são frágeis e precisam ser protegidas, nem mesmo serem salvas. Catalina não é nenhuma mocinha bobinha, mostrando que, tal qual na vida real, uma mulher pode fazer as mesmas coisas que um homem. Ela depois retorna em GTA San Andreas mais malvada, mais feroz e mais independente.

A sensual, mas extremamente perigosa, Catalina.

A sensual, mas extremamente perigosa, Catalina.

Por falar nisso, independência é uma grande característica das mulheres em GTA San Andreas, começando por Kendl Johnson, que não baixa a cabeça para seus irmãos mais velhos, principalmente Sweet, de quem tem uma visão de mundo bem diferente. Assume uma posição de chefia na família e, em certo ponto do jogo, chega a comandar alguns negócios. A moça enfrenta todos para poder viver ao lado da pessoa que ama, mesmo que contra a vontade dos irmãos. Também são bastante independentes nesse jogo as namoradas do protagonista CJ que, em sua maioria, não dependem dele para nada, todas possuem sua própria casa e empregos. Assim sendo representadas como mulheres independentes, elas não estão lá sempre disponíveis para você, uma coisa super fácil é ir visitar uma das namoradas e ela simplesmente não estar em casa, mostrando que você não é o único foco da vida delas. Além disso, é obrigação do seu personagem agradá-las e fazer o que elas gostam, não apenas programas que te derem na telha.

Os homoafetivos também estão presentes na série. Em GTA San Andreas, é muito comum você ver casais de pessoas do mesmo sexo andando de mãos dadas na rua. Um ato que ainda causa confusão ou o espanto de algumas pessoas em nossa sociedade, é tratado como algo normal no jogo, e o casal é visto da mesma forma que os casais heterossexuais.
Outro exemplo é que é possível encontrar baladas cujo público principal é gay. Em GTA 4, uma das DLCs do jogo, chamada The Ballad of Gay Tony , apresenta Tony, um personagem secundário, mas extremamente importante para a história e que é o melhor amigo do protagonista. Apesar de não ter jogado a DLC e por isso não poder falar muito sobre traços da personalidade de Tony, em todas as reviews que eu vi sobre ele é tratado como um personagem incrível e muito bem construído pela Rockstar, independente de sua
sexualidade.

GayTony-Artwork

Por último, em GTA V nós podemos encontrar drag queens andando pelas ruas ou conversando. A meu ver, a Rockstar mostra os gêneros da forma que eles devem ser mostrados, como algo normal e sem causar alvoroço, pois se é normal vermos um casal de gays de mãos dadas em um jogo de vídeo game, por que não seria vermos na rua enquanto caminhamos com o cachorro ou com nossos filhos?

E o que você acha desse assunto? Deixe sua opinião! Um grande abraço e até
a próxima, jovem!

Anúncios

Sobre Anderson Costa

Descendente da mídia escrita, filho da TV e do radio, irmão do crash de 83 e melhor amigo do bug do milênio. Estudante de jornalismo, o Iluminado.
Esse post foi publicado em Papo Geek e marcado , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s