Resenha: Princesa Adormecida

PRINCESA_ADORMECIDA_1397085251B

Livro: Princesa Adormecida / Autora: Paula Pimenta/ Páginas: 189/ Ano: 2014/ Editora: Galera

A maioria das meninas sonha em viver uma história parecida com a de uma princesa de contos de fadas. Mas nunca passou pela cabeça de Ana Rosa que ela poderia não só viver uma história assim, como ser uma princesa de verdade.

Desde criança, Ana Rosa foi criada pelos seus tios superprotetores Florindo, Fausto e Petrônio. Aos 16 anos ela estuda num colégio interno para meninas e é uma garota estudiosa, mas tudo o que Rosa quer agora é sair com as amigas, se divertir e, quem sabe, conhecer um garoto legal. Até que um dia ela recebe uma mensagem no seu celular de um número estranho. E é a partir daí que a sua vida toma um rumo inesperado.

“Mas, depois de uma noite bem-dormida, parece que enxergamos a situação por um ângulo diferente… Acho que o sono tem o poder de acalmar as pessoas.” – Ana Rosa

“Princesa Adormecida” é o primeiro livro de um projeto de releituras dos contos de fadas criado pela autora brasileira Paula Pimenta, que consiste em dar um ar mais moderno para os clássicos infantis. A ideia veio de uma antologia de contos chamada “O Livro das Princesas”, a qual a autora participou com o conto “Cinderela Pop”, que é também o nome do segundo livro do projeto.

Algo legal ao longo da leitura é perceber no livro as referências relacionadas a história original d’A Bela Adormecida. Por exemplo, nos nomes de alguns personagens, como Malleville no lugar de Malévola, os três tios como sendo as três fadas madrinhas, entre outras características.

“Por isso, eu ficava dormindo durante a maior parte do tempo. Assim podia esquecer a realidade e viver em um mundo onde tudo era perfeito… o dos meus sonhos.” – Ana Rosa

A editora Galera merece parabéns pela linda edição. Além das belas capa e contracapa, essa que tem algumas das mensagens, deixando o leitor curioso sobre a história, o livro também contém diferenciais no seu interior. Com cartas, matérias de jornais, bilhetes e mensagens de celular, a história ganha mais vida e adquire uma dinâmica divertida.

Um ponto fraco diz respeito ao relacionamento de Rosa e Phil, que poderia ter sido mais abordado e com mais calma. Por causa disso, em alguns momentos a história dá a impressão de estar corrida, os fatos surgem com pressa, mal o leitor se acostuma com um acontecimento e já vem outro em seguida.

Eu apenas amo finais felizes.

“ – Não sei. Mas isso que eu estou sentindo é uma euforia louca que me dá vontade de sair dançando pelos corredores da escola…Mas ao mesmo tempo esconde uma tristeza sutil, que parece morar no lugar mais fundo do coração.” – Ana Rosa

Isso também prejudica um pouco as explicações do final, que ficam, mais uma vez, apressadas. Entretanto a história é bonita e o romance muito fofo, fazendo o leitor romântico suspirar facilmente com as mensagens trocadas.

3invadersAvaliação: 3 Invaders – Bom

Ao longo do livro a protagonista menciona em vários momentos uma música que virou a trilha sonora da história. Então para inspirá-los deixo com vocês o vídeo da linda música Raibown, de Colbie Caillat

Deixe seu comentário sobre o que achou do livro e compartilhe com os amigos! Obrigada e bons sonhos… ou boa leitura!

Anúncios

Sobre Diana Araújo

Estudante de jornalismo supersticiosa ao ponto de só levantar da cama com o pé direito. Considera seus livros como filhos. Sempre pula o último degrau da escada. Já assistiu Dirty Dacing trocentas vezes. Tem mania de lavar as mãos. Ama histórias com contos de fadas, princesas e super herois. Ah, e as melhores cantadas são suas.
Esse post foi publicado em Na sua Estante e marcado , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s